cylax


Fórum Internacional Software Livre vai plantar 998 árvores
abril 7, 2007, 5:39 pm
Filed under: Ambiente

Ae!, Finalmente mais um evento, ou até onde eu sei o primeiro evento preocupado em neutralizar as emissões de CO2, mesmo sendo a longo prazo. parceria feita com a ONG Iniciativa Verde.

Existe também a Fundação SOS Mata Atlântica , onde existe uma “calculadora” onde você pode calcular sua emissão anual de CO2!

O aquecimento global tem chamado a atenção de todo o mundo. Atenta a esta situação e à necessidade de mudanças, a organização do 8º Fórum Internacional Software Livre – fisl8.0, colocará em prática uma ação que pretende neutralizar o carbono emitido pelo evento. Em parceria com a ONG Iniciativa Verde, serão plantadas 998 árvores em uma área degradada da Mata Atlântica.

fisl8.0
Anúncios


Take Action!
abril 3, 2007, 3:00 am
Filed under: Uncategorized

Use Compact Fluorescent Bulbs

Replace 3 frequently used light bulbs with compact fluorescent bulbs. Save 300 lbs. of carbon dioxide and $60 per year.


Inflate Your Tires

Keep the tires on your car adequately inflated. Check them monthly. Save 250 lbs. of carbon dioxide and $840 per year.


Change Your Air Filter

Check your car’s air filter monthly. Save 800 lbs. of carbon dioxide and $130 per year.

Continue lendo



Magnata oferece US$ 25 milhões por plano para reduzir CO2
abril 3, 2007, 1:45 am
Filed under: Uncategorized

O magnata britânico Richard Branson, proprietário da marca Virgin – que inclui, entre outros negócios, uma empresa aérea e uma companhia de turismo espacial – lançou uma oferta de US$ 25 milhões (mais de R$ 50 milhões) por pesquisas científicas que levem a um meio de retirar gases causadores do efeito estufa do ar.

O ex-vice-presidente dos EUA, Al Gore, deu seu apoio ao desafio, que Branson comparou ao prêmio oferecido, no século 17, por um meio para a determinação de longitudes em alto mar.

Branson espera que o prêmio leve à criação de uma máquina capaz de remover dióxido de carbono da atmosfera, uma idéia que cientistas consideram viável.

Um importante relatório internacional, publicado na semana passada, adverte que o aquecimento global é um fato e que mudará o mundo nos próximos séculos. “A humanidade criou o problema, logo a humanidade deve resolver o problema”, disse Branson.

Ao fazer a comparação com o prêmio da longitude, Branson lembrou que o ganhador, o relojoeiro John Harrison, precisou de 60 anos para chegar a uma solução. “A Terra não pode esperar 60 anos. Precisamos que todas as pessoas com capacidade de achar uma resposta se dediquem a isso hoje”, afirmou.

O engenheiro David Keith, da Universidade de Calgary, que tem uma patente provisória de tecnologia para captura de CO2, disse que “não há mistério nisso, é tudo uma questão de custo”.

“Todas as plantas no meu escritório fazem isso”, disse ele. A chave, afirma, é tornar o processo eficiente em termos de custo. “É tudo uma questão de preço”. Keith diz que sua tecnologia deverá ser capaz de capturar carbono a US$ 300 a tonelada.

Em 2005, o Painel Intergovernamental sobre a Mudança Climática concluiu que a tecnologia de captura de CO2, se aplicada de modo agressivo, poderia responder por até metade dos esforços mundiais para combater e reduzir o aquecimento global. Segundo o relatório, a parte crucial é aprisionar a substância e mantê-la longe da atmosfera.

O especialista em clima Andrew Weaver, da Universidade de Victoria, no Canadá, afirma que garantir que o dióxido de carbono ficará no subsolo, depois de capturado, é um ponto crítico. Usar poços de petróleo – da onde boa parte do CO2 veio, em primeiro lugar – seria um passo lógico, segundo ele.

Especialistas concordam que o desafio de Branson é complexo, já que nenhuma tecnologia de captura de carbono existe em ação. Cientistas escandinavos já enterram emissões de CO2 antes que cheguem à atmosfera, mas ninguém ainda capturou o gás uma vez que ele tenha se misturado com o ar.



Salvar o Planeta dá Lucro
dezembro 3, 2006, 5:36 pm
Filed under: Ambiente

O valor do carbono

Os créditos de carbono são ganhos com projetos de redução dos gases do efeito estufa e podem ser vendidos a companhias dos países ricos que precisam cumprir cotas antipoluição estabelecidas pelo tratado de Kyoto.

Segundo o protocolo, os países se comprometem a diminuir a emissão de dióxido de carbono até retornar a níveis inferiores aos de 1990. Para estar de acordo com as regras, uma empresa pode diminuir as próprias emissões ou comprar créditos de carbono de companhias dos países em desenvolvimento para compensar a poluição que sua atividade provoca.

No Brasil a Rhodia e a Sadia são as que mais lucraram com a venda de créditos de carbono para a Société Générale e European Carbon Fund respectivamente.

Veja


Stop Global Warming: Join the Virtual March
novembro 16, 2006, 11:50 pm
Filed under: Ambiente

globalwarm.png

Brasil está no top 10 do combate ao aquecimento global

O Brasil está em 8º na lista dos países que mais se esforçam para evitar o aquecimento global.

Os Estados Unidos são os maiores emissores de gases do efeito estufa, e suas emissões subiram 16% entre 1990 e 2004. Os cálculos para composição do ranking foram feitos pelo grupo ambientalista Germanwatch, e levaram em conta níveis de emissão, tendências de emissão e políticas climáticas.

Agencia Estado